MEI RS: município da região de Soledade recebe consultas gratuitas

A Secretaria de Estado do Trabalho e Desenvolvimento Profissional possui diversos projetos que visam qualificar a mão de obra gaúcha e impulsionar a economia gaúcha. Entre eles está o MEI RS, que disponibiliza mais de 15 mil horas de orientação personalizada feita por especialista, online, a cada mil MEI.

Segundo o secretário interino do Trabalho e Desenvolvimento Profissional do RS, Tiago Cadó, o governador Eduardo Leite desafiou o ministério a criar políticas públicas capazes de ajudar a iniciativa privada a gerar empregos no Rio Grande do Sul, bem como qualificar a mão de obra. força para estar disponível no mercado de trabalho”, afirmou.

O município de Ibirapuitã foi incluído na região de Soledade. “O programa vai oferecer essas consultas gratuitas, em colaboração com o Sebrae, para MEIs e municípios”, acrescentou Tiago. A região está inserida na XV Região do Trabalho e as inscrições para os municípios integrantes do programa começaram na segunda-feira, 29/01.

“As pessoas agora podem se cadastrar. No Ibirapuitã já existem cinco MEIs cadastrados. Então é uma forma de podermos oferecer a mão do Estado, para evitar o fechamento desses empresários importantes para a economia do Rio Grande do Sul”, acrescentou o secretário. Para participar, a empresa deve ter sido constituída entre 2021 e o primeiro semestre de 2023.

Atualmente, existem 807,3 mil MEIs ativos no RS, segundo dados da Agência Estadual do Comércio, Indústria e Serviços (Jucis/RS). Mesmo assim, o Rio Grande do Sul ainda é um dos estados com maior taxa de mortalidade de pequenos negócios do país, cerca de 18% ao ano.

Texto: Betinho Reis/Tua Rádio Cristal

+ There are no comments

Add yours