Litoral Norte do Rio Grande do Sul tem 5 locais impróprios para banho, segundo Fepam

Pelo segundo ano consecutivo, a Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam) divulgou seu sexto boletim referente à temporada 2023/2024, destacando que o Litoral Norte do Rio Grande do Sul possui cinco locais impróprios para banho. Do total de 87 pontos analisados ​​no estado, 72 pontos eram aptos para banho, enquanto 15 pontos foram considerados inadequados, incluindo pontos no Litoral Norte.

Pontos inadequados identificados: Entre os locais inadequados para banho no Litoral Norte estão:

  • Candelária – Balneário Carlos Bigger – Rio Pardo
  • Dom Pedrito – Praia Passo Real – Rio Santa Maria
  • Imbé – Santa Terezinha – Rua Farroupilha
  • Imbé – Mariluz – Av. Mariluz
  • Torres – Praia da Cal – Av.Independência

Além disso, outros pontos de Pelotas, Santa Vitória do Palmar, Tramandaí e Xangri-lá também estão listados como não conformes.

Suspensão de anúncio para Lagoa do Peixoto: Devido aos recentes temporais, os resultados da Lagoa do Peixoto, em Osório, não foram divulgados. Os dados dos três pontos de Viamão serão divulgados na próxima segunda-feira, com a esperança de que esteja apto para natação.

Melhorias observadas: Pontos que antes estavam na lista de inelegíveis, como Barra do Ribeiro, Cerrito, Pedro Osório e Santa Maria, não estão mais nessa condição.

Processo de monitoramento: A Fepam em conjunto com o Gerente Regional Litoral Norte da Sema-Fepam (Gerlit) e a Divisão de Laboratórios (Dilab) têm como tarefa a coleta e análise de água salgada no Litoral Norte. Outros pontos são monitorados com o apoio da Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) e do Serviço Autônomo de Saneamento de Pelotas (Sanep).

Recomendações para banho: É importante nadar em locais próprios para banho, evitar tomar banho nas primeiras 24 horas após chuva forte e ter cuidado com áreas com muita algas, além de dar atenção especial a crianças, idosos e pessoas com baixa imunidade.

+ There are no comments

Add yours